MAMINHA MATURADA E UMA FACA PRA LÁ DE ESPECIAL

Esta faca linda tem história... É uma das facas com mais ou menos 40 anos de vida que pertence ao meu amado pai, o melhor churrasqueiro da minha vida. Passei minha infância e adolescência na casa da serra vendo meu pai fazer churrasco em absolutamente todos os finais de semana. Ele só colocava sal no final, pouco antes de servir. Seu braseiro era sempre forte e seu churrasco sempre foi maravilhoso, ao ponto e suculento (ele não come mal passada de jeito nenhum). Hoje em dia ele fica só de longe e eu sigo tentando tacar fogo na casa. Obrigada, paizinho, por esquentar a barriga por nós! Você será sempre o melhor churrasqueiro de nossas vidas! Quantas lembranças boas em volta de sua churrasqueira, vendo você e minha mãe felizes conversando e gargalhando com amigos e com a família. Obrigada por tudo! ♥




Gosto de selar a maminha em fogo bem forte, depois fatio ela bem mal passada assim como aparece na foto, e dou uma grelhada rapidamente apenas para tirar este vermelhão. Ela fica muito macia, suculenta e no ponto perfeito! Nhac!