CROQUE-MADAME MUFFINS

Não quero dar uma de Julie Powell mas li menos da metade do livro da Rachel Khoo e quero fazer todas as receitas. Talvez eu seja mais apaixonada pela cozinha francesa do que imagino, talvez por desconhecimento mesmo e falta de noção. Tantos pratos me parecem tão familiares e afetivos, fiz há pouco tempo uma couve-flor gratinada com brócolis e cogumelos e ela justamente sugere no livro essas substituições. Fora isto, muitas novidades elegantes e aparentemente fáceis de preparar, quero tentar tudo, nunca devorei tanto um livro de culinária. Manteiga, creme, queijo, ovos e ingredientes frescos, como pode ser ruim? Ps: meu molho mornay está com a textura mais grossa pois não tinha leite e fiz com creme de leite fresco, bem mais pesado e gorduroso. Mas ficou delicioso, confesso.